Blog e Notícias

No metaverso, a Apple promete endurecer a disputa com o Facebook
Alvo de um hype crescente no setor de tecnologia, o metaverso ganhou definitivamente os holofotes do mercado em 28 de outubro de 2021, quando o Facebook avisou ao mercado que esse conceito irá nortear o seu futuro. E, para deixar claro esse recado, mudou seu nome para Meta.

A agora rebatizada empresa de Mark Zuckerberg pode ter impulsionado de vez esse burburinho. Mas é em outra big tech que o setor parece depositar boa parte de suas fichas nesse novo cenário virtual, que começa a despontar como a próxima grande realidade do mercado: a Apple.

No primeiro pregão de 2022, a Apple foi a primeira empresa do mundo a superar o valor de mercado de US$ 3 trilhões. Após esse marco, suas ações recuaram. Mas o flerte, desde o fim de 2021, com a avaliação nesse patamar, é visto como uma antecipação do que a companhia pode fazer no metaverso.

Como de praxe, a Apple, até aqui, praticamente não deu pistas sobre seus planos nesse mercado. Embora Tim Cook, o CEO da empresa, tenha elogiado em diversas oportunidades a realidade aumentada e a realidade virtual, bases do metaverso, afirmando que elas serão pilares do futuro da companhia.

É justamente no já conhecido e quase imbatível poder de desenvolvimento de hardware da companhia e no provável lançamento de dispositivos que sejam uma ponte para o metaverso que os analistas enxergam uma nova avenida de crescimento para a empresa da maçã.

Em dezembro, por exemplo, Katy Huberty, analista do Morgan Stanley, elevou o preço-alvo da ação da Apple de US$ 164 para US$ 200, com base nessa perspectiva. “Novas categorias de produtos precisam ser precificadas”, escreveu ela, em relatório.

Nesta quarta-feira, as ações da Apple, avaliada em US$ 2,86 trilhões, fecharam o pregão na Nasdaq com ligeira alta de 0,26%, para US$ 175,53.

Citado em reportagem do The Wall Street Journal, Toni Sacconaghi, analista da Sanford C. Bernstein, é mais um nome otimista com a capacidade da empresa de popularizar o metaverso, ao dar escala ao conceito com seus dispositivos.

Segundo o jornal americano, Sacconaghi afirmou recentemente a investidores que a Apple poderia vender 22 milhões dispositivos de realidade virtual até 2030, o que poderia elevar a receita da companhia em 4%. Ele acrescentou que essa linha pode representar 20% do faturamento da empresa até 2040.

Por enquanto, Google, Samsung, AMD, Nvidia e Microsoft são alguns dos players olhando para esses dispositivos, ao lado da Meta, com seu Oculus. O modelo Quest 2 bateu a marca de 10 milhões de unidades em novembro, segundo a Qualcomm, produtora do headset, vendido por US $ 300.

A “entrada” da Apple no metaverso é aguardada até pelo “pessimista” Scott Galloway, professor da Universidade de Nova York e guru do Vale do Silício. “Eles têm dispositivos onipresentes, a confiança dos usuários, mais capital que qualquer outra empresa e já provaram ser incrivelmente hábeis com tecnologia”, disse Galloway em uma transmissão ao vivo no início de janeiro desse ano.

Todas essas capacidades acendem o sinal de alerta para estudiosos como o professor Mehran Sahami, da Stanford University, autor do recém-lançado “System Error”, ou “Erro de Sistema”, em tradução literal. Para ele, as interações no metaverso significam um grande risco para a privacidade.

“As empresas de tecnologia terão acesso a mais informações, algumas bem delicadas, sobre seus usuários”, diz Sahami ao NeoFeed. “Quanto mais criamos distrações no metaverso, menos nos preocupamos com os problemas do mundo real – e temos muitos deles”.


Fonte:
NeoFeed

Leia mais em:
https://neofeed.com.br/blog/home/no-metaverso-a-apple-promete-endurecer-a-disputa-com-o-facebook/

Compartilhar:
Voltar para o Blog

Patrocinadores Premium 2022

Fininport

Expositores 2022

iMalaDireta
DJ Contabilidade
Siq Consultoria e Gestao
Teleo
CityMart
Consulto
Emprego Simples
ProgramaSom

Mídia

Sympla
Jornal Folha de São Paulo
Promoview
Eventbrite
App Ticket
Vamo App
Lets Events
Doity
Ingresso Live
Go Free Eventos
Central dos Eventos
Outgo
e-inscricao
even3
Ingresse
Portal Radar
Portal Revendedor
Portal Quem Fornece
Feiras e Negócios
Meu Ingresso
Tudo Ingreesso
Sala da Notícia
Portal Sua Franquia
Pense Grande - Fundação Telefonica
Rede Brasil TV
Rádio Transamerica
ISTOÉ Dinheiro
Record TV
TV Eventos
Circuito das Feiras

Fornecedores

iMalaDireta
Estandes.Net
Printi
Gráfica Paulista Cartões
DJ Contabilidade
Expo Center Norte

Apoio Institucional

Destino SP
Visite SP São Paulo
Cidade de São Paulo
Cidade de São Paulo

Nós Apoiamos

Faça sua doação e salve vidas - GRAACC
AACC - Associação de Apoio à Criança com Câncer
Instituto Ayrton Senna
World Wide Fund for Nature
Fundação Dorina Nowill para Cegos
Médicos Sem Fronteiras
A MINDS É UM GRUPO DE MÍDIA E PUBLICIDADE, DESDE 1997 CRIA E DESENVOLVE MEIOS DE COMUNICAÇÃO E NEGÓCIOS INOVADORES
imaladireta.com
citymart.com.br
consulto.com.br
teleo.com.br
topspeakers.com.br
expoempreendedor.com.br
festivaldanoiva.com.br
meex.com.br
minds.com.brWhatsApp
Email: contato@minds.com.br
CNPJ: 11.442.325/0001-40
Central: (11) 4172.5266
WhatsApp: (11) 9.7799.7208 | (11) 9.8537.1007